Joana Levi




hprov



Criação: Casa Laboratório para as Artes do Teatro

Texto: Geraldo Alencar

Direção Artística: Cacá Carvalho

Co-direção: Roberto Bacci

Assistência de Direção: Joana Levi

Elenco:
Dinho Lima Flor
Fabiana Barbosa
Joana Levi
Laila Garin
Leonardo Ventura
Majó Sesan
Marcelo Valente
Raquel Tamaio

Cenário e Figurino: Márcio Medina

Luz: Fabio Retti

Espetáculo livremente inspirado no Grande Sertão: Veredas de João Guimarães Rosa.










O HOMEM PROVISÓRIO

A montagem é resultado do processo de pesquisa e experimentação dramatúrgica dos integrantes do grupo Casa Laboratório para as Artes do Teatro (SP) no Cariri cearense.

Sob direção de Cacá Carvalho e colaboração artística do diretor italiano Roberto Bacci, a saga contada em cordel recebeu cinco indicações ao Prêmio Shell de Teatro de 2007.

Depois de se aventurar pelo sertão de Cervantes à procura de D. Quixote, colocando em cena "A Sombra de Quixote", o Grupo Casa Laboratório para as Artes do Teatro parte para uma nova expedição em busca de Riobaldo e seu bando pelo sertão roseano.

Acreditando que esses jagunços literários teriam um referente real, o grupo se desafia em uma exploração física e cultural no sertão do Cariri, na Fundação Casa Grande - escola de gestão cultural, que trabalha com crianças e adolescentes através de quatro programas principais: Memória, Comunicação, Arte e Turismo.

O retiro artístico abriu novas perspectivas na releitura da obra de Guimarães Rosa e criou canais de interação com artísticas locais que colaboraram para a criação do espetáculo.

Entre eles, Nilo, xilogravurista que aceitou o desafio de traduzir temas do livro de origem em imagens sertanejas, e Geraldo Alencar - poeta, amigo, parceiro e herdeiro de Patativa do Assaré, que produziu 120 sonetos inspiradores, de onde o grupo extrai grande parte do que é dito em cena.